Guerra do Ultramar: Angola, Guiné e Moçambique Automobilia Ibérica - Histórico Automóvel Clube de Entre Tejo e Sado (HACETS)

Início O Autor História A Viagem Moçambique Livros Notícias Procura Encontros Imagens Mailing List Ligações Mapa do Site

 TRABALHOS, TEXTOS SOBRE OPERAÇÕES MILITARES ou LIVROS

 

Imagens cedidas por Vítor Baião

António S Viana

António S. Viana iniciou a sua actividade de jornalista no antigo jornal O Século, passando depois pelos vespertinos Diário de Lisboa, A Capital e Diário Popular e por diversas revistas. A sua actividade jornalística preferida foi sempre a reportagem, embora tenha trabalhado em todas as habituais secções da imprensa escrita. O autor classifica este livro como uma reportagem, sempre adiada, que afinal se revelou um romance, em que mistura factos de ficção com factos da realidade, inspirado na sua experiência como militar na antiga África colonial portuguesa. Em 1968, um ano depois do regresso de Moçambique, publicou um conjunto de trinta poesias, num livro em co-autoria, Poemas, que abre com a sua primeira poesia:

Adoro a sete léguas o teu exército
Oco como nada, vazio de chumbo,
E aí vamos,
Grandes caixões de palavras
Pôr fogo nas disputas do mundo.

in: Editoral Caminho

"A Primeira Coluna de Napainor"

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Voltar ao topo