.

 

Início O Autor História A Viagem Moçambique Livros Notícias Procura Encontros Imagens Mailing List Ligações Mapa do Site

Share |

Brasões, Guiões e Crachás

Siga-nos

Fórum UTW

Pesquisar no portal UTM

Livros

Trabalhos, textos sobre operações militares ou livros

Elementos cedidos por um colaborador do portal UTW

 

HONRA E GLÓRIA

 

Nuno Mira Vaz

 

Coronel de Cavalaria Pára-Quedista

(na situação de reforma)

 

Angola: BCP21 (Set1963 a Out1965)


Guiné: CCP121/BCP12 (Dez1966 a Mai1968 e Abr1970 a Abr1972)


Moçambique: 3ªRep-Operações/COMRA3 e BCP32 (Abr1973 a Dez1974)

 

Cruz de Guerra, de 1.ª Classe

 

 

Nascido a 17 de Novembro de 1940 em Arraiolos.


- em 01 de Setembro de 1950 admitido no Colégio Militar;


- em Outubro de 1957 ingressa na Escola do Exército;


- em Março de 1962 conclui o curso de cavalaria da Academia Militar, sendo promovido a aspirante-a-oficial do quadro da Arma e colocado na Escola Prática de Cavalaria (EPC-Santarém) para tirocínio;


- em 29 de Julho de 1962 promovido a alferes;


- em 07 de Janeiro - Fevereiro de 1963 frequenta o 2º curso de minas e armadilhas do Regimento de Infantaria 1 (RI1-Amadora);


- em Julho de 1963 conclui no Regimento de Caçadores Pára-Quedistas (RCP-Tancos) o 21º curso de pára-quedismo militar e obtém o brevet nº 1883;


- em 30 de Setembro de 1963, tendo sido mobilizado para servir Portugal na Província Ultramarina de Angola, desembarca em Luanda a fim de ser integrado no Batalhão de Caçadores Pára-Quedistas n.º 21 (BCP21);


- em 01 de Dezembro de 1964 promovido a tenente;


- em 24 de Outubro de 1965 (Out1965) regressa à Metrópole;


- em 14 de Dezembro de 1966, entretanto mobilizado para servir Portugal na Província Ultramarina da Guiné, embarca em Lisboa rumo a Bissau a fim de comandar a Companhia de Caçadores Pára-Quedistas 121 do Batalhão de Caçadores Pára-Quedistas n.º 12 (CCP121/BCP12);


- em Maio de 1968, entretanto promovido a capitão, agraciado com a Cruz de Guerra de 1ª classe por distintos feitos em combate;


- em 25 de Maio de 1968 regressa à Metrópole;


- em Abril de 1970, novamente mobilizado para servir Portugal na Província Ultramarina da Guiné, embarca em Lisboa rumo a Bissau a fim de comandar, uma vez mais, a Companhia de Caçadores Pára-Quedistas 121 do Batalhão de Caçadores Pára-Quedistas n.º 12 (CCP121/BCP12);


- em Abril de 1972 regressa à Metrópole.


- em 12 de Julho de 1972 promovido a major;


- em 16 de Outubro de 1972 - 02 de Março de 1973 frequenta com aproveitamento o 1º estágio de actualização para oficial superior;


- em 25 de Abril de 1973, tendo sido nomeado para servir Portugal na Província Ultramarina de Moçambique, embarca em Lisboa com destino a Nacala, a fim de assumir um cargo na 3.ª Repartição - Operações do Comando da Região Aérea 3 (3ªRep-Operações/COMRA3);


- em Julho de 1974 transferido para o Batalhão de Caçadores Pára-Quedistas n.º 32 (BCP32) onde assume o cargo de 2º comandante;


- em Dezembro de 1974 regressa definitivamente à Metrópole.


Actualmente coronel de cavalaria pára-quedista na situação de reforma.

 

Apresentação do livro:

 

Para visualização dos conteúdos clique em cada um dos sublinhados que se seguem:

 

"Máscaras de Marte"

 

Terá lugar no auditório o Estado-Maior da Força Aérea, em Alfragide, no dia 18 de Abril de 2018, às 18H00.

A obra será apresentada pelo Professor Doutor Mendo Castro Henriques

 

ou clique na imagem que se segue:

 

 -----------------------------------------------------------------

Outros livros:

 

"Guiné, 1968 e 1973 - Soldados uma vez, sempre soldados!"

 

"Opiniões Públicas Durante as Guerras de África - 1961 / 74"

 

 

© UTW online desde 30Mar2006

Traffic Rank

Portal do UTW: Criado e mantido por um grupo de Antigos Combatentes da Guerra do Ultramar

Voltar ao Topo