.

 

Início O Autor História A Viagem Moçambique Livros Notícias Procura Encontros Imagens Mailing List Ligações Mapa do Site

Share |

Brasões, Guiões e Crachás

Siga-nos

Fórum UTW

Pesquisar no portal UTM

Falecimento

João Rodrigues Coelho, Coronel de Infantaria na situação de reforma

 

Nota de óbito

Imagens dos distintivos cedidas pelo veterano Carlos Coutinho

Elementos cedidos por um colaborador do portal UTW

 

 

Faleceu, no dia 3 de Junho de 2019, o veterano

 

João Rodrigues Coelho

 

Coronel de Infantaria na situação de reforma

 

Companhia de Caçadores Especiais 298

 

Companhia de Caçadores Especiais 300

 

Chefia do Serviço de Reconhecimento das Transmissões do Quartel General da Região Militar de Moçambique

 

Chefia do Serviço de Reconhecimento das Transmissões do Quartel General do Comando Territorial Independente da Guiné

 

 

João Rodrigues Coelho, Coronel de Infantaria na situação de reforma, nascido em 1934.


Em Outubro de 1952 ingressa na Escola do Exército;


De 6 de Abril 20 de Outubro de 1959, tenente de infantaria, frequenta nos Serviços Cartográficos do Exército o curso de topografia militar aplicada;


De 17 de Julho a 12 de Agosto de 1961 frequenta no Centro de Instrução de Operações Especiais (CIOE - Lamego) o estágio de caçadores;


Em 13 de Janeiro de 1962, tendo sido mobilizado pelo Batalhão de Caçadores 5 (BC5 - Campolide) para servir Portugal na Província Ultramarina de Moçambique, embarca em Lisboa rumo ao porto de Nacala, como capitão comandante da Companhia de Caçadores Especiais 298 (CCE298);


Durante o ano de 1963 passa a comandar a Companhia de Caçadores Especiais 300 (CCE300);


Em 20 de Fevereiro de 1964 regressa à Metrópole, ficando colocado no Regimento de Infantaria 10 (RI10 - Aveiro);


De 28 de Setembro de 1964 a 3 de Abril de 1965 frequenta o curso de criptólogo em Lisboa, na Chefia do Serviço de Reconhecimento das Transmissões, onde fica colocado;


Em 15 de Julho de 1969, tendo sido nomeado por escolha para servir Portugal na Província Ultramarina de Moçambique, embarca em Lisboa com destino a Nampula, a fim de ser colocado na Chefia do Serviço de Reconhecimento das Transmissões do Quartel General da Região Militar de Moçambique (Cheret/QG-RMM);


Em 23 de Agosto de 1971, entretanto graduado no posto de major, regressa à Metrópole e fica colocado no Batalhão de Caçadores 3 (BC3 - Bragança);


No ano lectivo 1971/72 do Instituto dos Altos Estudos Militares (IAEM -Pedrouços), tendo sido transferido para o Quartel General da Região Militar de Lisboa (QG/RML), frequenta o 2º estágio de actualização para oficial superior;


Em 6 de Agosto de 1972 promovido a major (com antiguidade a 16 de Janeiro de 1970);


Em 28 de Julho de 1973, tendo sido mobilizado para servir Portugal na Província Ultramarina da Guiné, embarca em Lisboa rumo a Bissau, a fim de ser colocado na Chefia do Serviço de Reconhecimento das Transmissões do Quartel General do Comando Territorial Independente da Guiné (Cheret/QG - CTIG);


Em 19 de Setembro de 1974 regressa definitivamente à Metrópole e fica colocado na Chefia do Serviço de Reconhecimento das Transmissões.


Faleceu durante a noite de 3 de Junho de 2019, como coronel de infantaria na situação de reforma.


Paz à sua Alma.

 

 

© UTW online desde 30Mar2006

Traffic Rank

Portal do UTW: Criado e mantido por um grupo de Antigos Combatentes da Guerra do Ultramar

Voltar ao Topo