.

 

Início O Autor História A Viagem Moçambique Livros Notícias Procura Encontros Imagens Mailing List Ligações Mapa do Site

Share |

Brasões, Guiões e Crachás

Siga-nos

 

Fórum UTW

Pesquisar no portal UTM

Condecorações

Francisco Manuel Martins dos Santos, Coronel de Cavalaria na situação de reforma

 

"Pouco se fala hoje em dia nestas coisas mas é bom que para preservação do nosso orgulho como Portugueses, elas não se esqueçam"

Barata da Silva, Vice-Comodoro

 

HONRA E GLÓRIA

 

Nota de óbito

Fontes:

Ordem do Exército n.º 18, 2.ª série, págs 2035 e 2036, de 15Set1969

Imagens dos distintivos cedidas pelo veterano Carlos Coutinho

Informação do óbito e fotos cedidas por José Luís Tocha Santos

Apoio de um colaborador do portal UTW

 

Faleceu, em Setembro de 2012, o veterano

 

Francisco Manuel Martins dos Santos

 

Coronel de Cavalaria na situação de reforma

 

Na Região Militar de Angola

 

Comandante da Companhia de Cavalaria 1403 do Batalhão de Cavalaria 1851

 

Oficial de Informações e Operações / Adjunto do Batalhão de Cavalaria 1851

Na Região Militar de Moçambique

 

Colocado no

Quartel General / Comando-Chefe das Forças Armadas de Moçambique

 

Comandante do Batalhão de Cavalaria 8424/74

 

Medalha de Prata de Serviços Distintos com palma

 

 

Francisco Manuel Martins dos Santos, Coronel de Cavalaria na situação de reforma;


De 6 de Outubro de 1959 a 30 de Janeiro de 1960, sendo tenente de cavalaria, frequenta na Escola Prática de Cavalaria (EPC - Santarém) o curso de promoção a capitão (informações, operações e serviços);


Em 6 de Fevereiro de 1960, promovido a capitão (com antiguidade a 6 de Novembro de 1959) e colocado pelo Ministério do Ultramar em Luanda, em comissão civil;


Em 6 de Novembro de 1965, entretanto regressado à Metrópole e colocado no Regimento de Infantaria 15 (RI15 - Tomar), tendo sido mobilizado pelo Regimento de Cavalaria 3 (RC3 - Estremoz) para servir Portugal na Província Ultramarina de Angola, embarca em Lisboa a fim de assumir em Zala o comando da Companhia de Cavalaria 1403 (CCav1403) (e, posteriormente, o cargo de oficial de informações e operações do Batalhão de Cavalaria 1851 (BCav1851);


Em 2 de Dezembro de 1967 promovido a major e colocado em Lourenço Marques no Quartel General / Comando-Chefe das Forças Armadas de Moçambique (QG/CCFAM);


Em 25 de Junho de 1969 regressa à Metrópole;


Em 19 de Julho de 1969 colocado no Regimento de Cavalaria 8 (RC8 - Castelo Branco);


Em 11 de Agosto de 1969 agraciado com a Medalha de Prata de Serviços Distintos com palma...


- «Pela forma eficiente, extremamente dedicada, muito leal e correctíssima como durante mais de dois anos cumpriu todas as missões que lhe foram cometidas, algumas das quais em zonas perturbadas da Província, no desempenho das funções que exerceu no gabinete militar do comandante-chefe das Forças Armadas de Moçambique, primeiro como oficial à ordens do comandante-chefe adjunto e, posteriormente, como oficial assistente de operações. Como oficial às ordens, distinguiu-se sempre por uma inexcedível lealdade, a maior correcção, grande aprumo e eficiência na execução das missões que em variadas situações lhe competiram. No desempenho das funções de oficial assistente de operações, revelou em todas as circunstâncias, a par de um grande método de trabalho, a maior calma, invulgar dedicação e um elevado espírito de equipa, muito contribuindo com o seu cuidado, ponderação e o seu esforço, sempre generosamente dados, para o bom andamento dos estudos, trabalhos e missões operacionais de que foi incumbido ou nos quais interveio. Alia às suas elevadas qualidades profissionais os melhores dotes de carácter, que o tornam um colaborador desejado e um camarada muito estimado. Oficial muito correcto, aprumado e dotado de grande espírito de sacrifício, deu provas de muito mérito e de notável eficiência, prestando às Forças Armadas e à Província de Moçambique serviços que muito justamente devem ser considerados extraordinários, relevantes e distintos, os quais decorreram em período de subversão.»


De 29 de Outubro de 1969 a 14 de Março de 1970 conclui no Instituto dos Altos Estudos Militares (IAEM-Pedrouços) o 1º estágio de actualização para oficiais superiores de armas e serviços;


Em 20 de Junho de 1972 colocado no Regimento de Cavalaria 7 (RC7 - Ajuda);


Em 1 de Janeiro de 1974 promovido a tenente-coronel e transferido para o Regimento de Cavalaria 6 (RC6 - Porto);


De 11 a 16 de Março de 1974 frequenta o estágio de observação aérea e PCV (Posto de Comando Volante);


Em 29 de Agosto de 1974 nomeado para servir na Província Ultramarina de Moçambique;


Em 19 de Dezembro de 1974 embarca em Lisboa com destino a Lourenço Marques, a fim de assumir o comando do Batalhão de Cavalaria 8424/74 (BCav8424/74) mobilizado pelo Regimento de Cavalaria 4 (RC4 - Santa Margarida);


Em 24 de Junho de 1975 regressa definitivamente à Metrópole.


Faleceu em Setembro de 2012, coronel de cavalaria na situação de reforma.


Paz à sua Alma.

 

 

 

© UTW online desde 30Mar2006

Traffic Rank

Portal do UTW: Criado e mantido por um grupo de Antigos Combatentes da Guerra do Ultramar

Voltar ao Topo