.

 

Início O Autor História A Viagem Moçambique Livros Notícias Procura Encontros Imagens Mailing List Ligações Mapa do Site

Share |

Brasões, Guiões e Crachás

Siga-nos

 

Fórum UTW

Pesquisar no portal UTM

Condecorações

João Biscaia Baptista, Soldado de Cavalaria, n.º 09737366, da CCav1707/BCav1917

 

  "Pouco se fala hoje em dia nestas coisas mas é bom que para preservação do nosso orgulho como Portugueses, elas não se esqueçam"

 

Barata da Silva, Vice-Comodoro

 

HONRA E GLÓRIA  

 

 

CG-4-Classe-350

Jo-o-Biscaia-Baptista-350

 

João Biscaia Baptista

 

Soldado de Cavalaria, n.º 09737366

 

Companhia de Cavalaria 1707

 

 Batalhão de Cavalaria 1917

«DINOSSÁURIOS»

 

Angola: 27Mai1967 a 21Jul1969

 

Cruz de Guerra de 4.ª classe

 

Louvor Individual

 

 

João Biscaia Baptista, Soldado de Cavalaria, n.º 09737366;


RC7Mobilizado pelo Regimento de Cavalaria 7 (RC7 – Ajuda, Lisboa) «QUO TOTA VOGANT» - «REGIMENTO DO CAIS» para servir Portugal na Província Ultramarina de Angola;


CCav1707-280No dia 17 de Maio de 1967, na Gare Marítima da Rocha do Conde de Óbidos, em Lisboa, embarcou no NTT ‘Vera Cruz’, integrado na Companhia de Cavalaria 1707 (CCav1707) do Batalhão de Cavalaria 1917 (BCav1917) «DINOSSÁURIOS», rumo ao porto de Luanda, onde desembarcou no dia 27 de Maio de 1967;

BCav1917-1
A sua subunidade de cavalaria foi colocada na Fazenda Liberato; e em Setembro de 1968 foi transferida para a Aldeia Viçosa;


Louvado por feitos em combate no Teatro de Operações de Angola, publicado na Ordem de Serviço n.º 3, de 8 de Janeiro de 1969, do Quartel General da Região Militar de Angola;


Agraciado com a Medalha da Cruz de Guerra de 4.ª classe, por despacho do Comandante-Chefe das Forças Armadas de Angola, de 18 de Fevereiro de 1969, publicado na Ordem do Exército n.º 11 - 3.ª série, de 20 de Abril de 1969, e na Revista da Cavalaria do ano de 1969, página 76;


Em 21 de Julho de 1969, embarcou no NTT ‘Vera Cruz’ de regresso à Metrópole, onde desembarcou no dia 1 de Agosto de 1969.
 

Cruz de Guerra de 4.ª classe

 

 

CG-4-Classe-700Soldado de Cavalaria, n.º 09737366
JOÃO BISCAIA BAPTISTA
 

CCav1707/BCav1917 - RC7
ANGOLA


4.ª CLASSE


Transcrição do Despacho publicado na Ordem do Exército n.º 11 – 3.ª série, de 1969.


Agraciado com a Cruz de Guerra de 4.ª classe, nos termos do artigo 12.º do Regulamento da Medalha Militar, promulgado pelo Decreto n.º 35 667, de 28 de Maio de 1946, por despacho do Comandante-Chefe das Forças Armadas de Angola, de 18 de Fevereiro de 1969:


O Soldado n.º 09737366, João Biscaia Baptista, da Companhia de Cavalaria n.º 1707 do Batalhão de Cavalaria n.º 1917 - Regimento de Cavalaria n.º 7.


Transcrição do louvor que originou a condecoração.


(Publicado na Ordem de Serviço n.º 03, de 08 de Janeiro de 1969, do Quartel General da Região Militar de Angola):


Louvado o Soldado n.º 09737366, João Biscaia Baptista, da Companhia de Cavalaria n.º 1707 do Batalhão de Cavalaria n.º 1917 - Regimento de Cavalaria n.º 7, porque, como apontador de metralhadora, no decurso duma operação na região de Quiculungo, em que as Nossas Tropas foram emboscadas por quatro vezes por um inimigo aguerrido e bem armado, empunhou a sua arma sempre com a maior decisão e indiferente ao perigo resultante da sua exposição, contribuindo de forma decisiva para a derrota do inimigo.

 
O seu comportamento na última emboscada constituiu um raro exemplo de extraordinárias qualidades de coragem, decisão, espírito de sacrifício e desprezo pela vida porquanto, apesar de muito ferido por estilhaços duma granada de mão e por um projéctil que lhe atravessou um braço, continuou a fazer rajadas precisas sobre o inimigo, só as terminando quando um outro projéctil pôs fora de acção a sua metralhadora. Mesmo assim teve ainda a serenidade bastante para lançar uma granada de mão sobre as posições do inimigo, que a seguir se pôs em debandada.


As qualidades evidenciadas pelo Soldado Baptista são credoras da nossa maior admiração e respeito e os serviços prestados devem ser considerados de muito mérito, pelo que é merecedor da distinção que ora se lhe confere.
 

 

 Jo-o-Biscaia-Baptista-920

 

© UTW online desde 30Mar2006

Traffic Rank

Portal do UTW: Criado e mantido por um grupo de Antigos Combatentes da Guerra do Ultramar

Voltar ao Topo