.

 

Início O Autor História A Viagem Moçambique Livros Notícias Procura Encontros Imagens Mailing List Ligações Mapa do Site

Share |

Brasões, Guiões e Crachás

Siga-nos

Fórum UTW

Pesquisar no portal UTM

Vila Verde

Monumentos aos Combatentes, Memoriais e Campas

 

 

Monumentos aos

Combatentes e Campas

 

Em memória daqueles que tombaram em defesa de

Portugal na Guerra do Ultramar

 

Vila Verde

 

Para visualização dos conteúdos clique em cada um dos sublinhados que se seguem:

 

Listagem dos mortos naturais do concelho de Vila Verde

 

 

Freguesia de Ponte de São Vicente

 

 

Honra aos que tombaram ao serviço da Pátria

 

 

 

Aquilino da Silva Gonçalves

2.º Cabo AC 1/61, da Btr147/GAC157

 

Aquilino da Silva Gonçalves, 2.º Cabo Campanha, n.º 1/61, natural do lugar de Germel, da Freguesia de Ponte de São Vicente, concelho de Vila Verde, solteiro, filho de José Gonçalves e de Maria Celeste Mouta da Silva.

 

Mobilizado pelo Regimento de Artilharia Ligeira 1 (RAL1 - Lisboa), para servir Portugal na Província Ultramarina de Angola integrado na Bateria de Artilharia 147 do Grupo de Artilharia de Campanha 157, cuja Bateria ficou adstrita ao Batalhão de Caçadores 114.

 

Faleceu no dia 15 de Outubro de 1961, na Fazenda Tentativa, vítima de acidente de viação.

 

Ficou sepultado na campa n.º 2, fileira n.º 4 do talhão Militar no cemitério do Sassa, em Angola.

 

Em Abril de 2018, o seu corpo foi trasladado para Portugal e no dia 15 de Abril de 2018 ficou inumado no cemitério da freguesia da sua naturalidade (Ponte de São Vicente), concelho de Vila Verde

 

 

 

«Sepultado militar morto há 57 anos»

in jornal «Correio da Manhã», de 16Abr2018

 

«Militar morto na Guerra Colonial sepultado em Vila Verde»

in «O Minho», de 16Abr2018

 

«Vila Verde. Corpo de Aquilino regressou 57 anos depois. Sem ajuda do Governo»

in «Semanário V», de 15Abr2018

 

«O português que ajuda famílias a recuperar restos mortais de ex-militares»

in «Diário de Notícias», de 12Abr2018

 

«Quase 60 anos depois da sua morte em Angola, Otília vai trazer "o mano"»

in jornal «Público», de 22Mar2018

 

 

A campa do 2.º Cabo Aquilino da Silva Gonçalves no cemitério do Sassa

 

 

Cartaxo, 15Jun2013 - Homenagem da Btr147

promovida por Osvaldo Arlindo Fortes Crua (ex-1ºCabo de Transmissões da Btr147/RAL1-Sacavém)

 

 

Imagens do cemitério do Sassa

onde estava sepultado Aquilino da Silva Gonçalves, em Sassa (Angola)

 

 

© UTW online desde 30Mar2006

Traffic Rank

Portal do UTW: Criado e mantido por um grupo de Antigos Combatentes da Guerra do Ultramar

Voltar ao Topo