.

 

Início O Autor História A Viagem Moçambique Livros Notícias Procura Encontros Imagens Mailing List Ligações Mapa do Site

Share |

Brasões, Guiões e Crachás

Siga-nos

Fórum UTW

Pesquisar no portal UTM

Falecimento

Teotónio José de Carvalho Ribeiro Pereira, Coronel de Infantaria (na situação de reforma)

 

HONRA E GLÓRIA

Nota de óbito

Elementos cedidos por um

colaborador do portal UTW

 

Faleceu, no dia 23 de Outubro de 2018, o veterano

 

 

Teotónio José de Carvalho Ribeiro Pereira

 

Coronel de Infantaria, na situação de reforma

 

Companhia de Caçadores 413 (Guiné)

 

Companhia de Caçadores 1490 do Batalhão de Caçadores 1874 (Angola)

 

Batalhão de Caçadores 1900 (Angola)

 

Medalha de Mérito Militar de 3.ª classe

 

Ordem Militar de Avis, grau Cavaleiro

 

 

Teotónio José de Carvalho Ribeiro Pereira, Coronel de Infantaria na situação de reforma, nasceu no dia 25 de Novembro de 1934

 

- em 1 de Novembro de 1961, alferes de infantaria em comissão de serviço na Região Militar de Moçambique, promovido a tenente;


- em 19 de Novembro de 1963 colocado no Regimento de Infantaria 6 (RI6-Porto);


- em 1 de Dezembro de 1963 promovido a capitão;


- em 10 de Fevereiro de 1964, tendo sido mobilizado pelo Regimento de Infantaria 7 (RI7-Leiria) para servir Portugal na Província Ultramarina da Guiné, embarca em Lisboa rumo a Bissau, a fim de assumir o comando da Companhia de Caçadores 413 (CCac413) «BRIOSOS VENCEREMOS» aquartelada em Mansoa adstrita ao Batalhão de Caçadores (BCac512);


- em 20 de Outubro de 1965 regressa à Metrópole e fica colocado no Centro de Instrução de Condutores Auto 1 «BRIOSOS NO ENSINAR» / Regimento de Artilharia Pesada 2 (CICA1/RAP2);


- em 16 de Setembro de 1966, tendo sido mobilizado para servir Portugal na Província Ultramarina de Angola, embarca em Lisboa rumo a Cabinda, a fim de assumir o comando da Companhia de Caçadores 1490 (CCac1490) «RES NON VERBA» aquartelada em Sanga Planície (Alto Maiombe), subunidade orgânica do Batalhão de Caçadores 1874 (BCac1874);


- em 1 de Maio de 1968 transferido para o Batalhão de Caçadores 1900 (BCac1900), a fim de assumir funções de Oficial de Informações e Operações / Adjunto (OfInfOp/Adj) daquele batalhão aquartelado na Fazenda Tentativa (Caxito);


- em 10 de Setembro de 1968 agraciado com a Medalha de Mérito Militar de 3ª classe;


- em 18 de Fevereiro de 1969 regressa à Metrópole e fica colocado no (Regimento de Infantaria 1 (RI1-Amadora);


- em 8 de Setembro de 1970 transferido para o Depósito Geral de Adidos (DGA-Ajuda);


- em 10 de Setembro de 1970, tendo sido nomeado em rendição individual para servir Portugal novamente na Província Ultramarina de Angola, embarca em Lisboa rumo a Luanda;


- em 12 de Janeiro de 1973 regressa à Metrópole e fica colocado na Guarda Nacional Republicana (GNR) «para cumprir comissão de serviço por requisição do Ministério do Interior»;


- em 29 de Março de 1973 agraciado com o grau de Cavaleiro da Ordem Militar de Avis;


- em 1 de Junho de 1973 graduado no posto de major;


- em 1 de Março de 1974 conclui o estágio de actualização para oficial superior;


- em 2 de Março de 1974 promovido a major;


- em 12 de Março de 1975, tendo sido «acusado pelo MFA (Movimento das Forças Armadas) de estar envolvido em operações de um golpe contra-revolucionário», cessa funções na Guarda Nacional Republicana (GNR), apresenta-se no Ministério da Administração Interna e fica colocado na Direcção da Arma de Infantaria.
 

 

Paz à sua Alma

 

© UTW online desde 30Mar2006

Traffic Rank

Portal do UTW: Criado e mantido por um grupo de Antigos Combatentes da Guerra do Ultramar

Voltar ao Topo