.

 

Início O Autor História A Viagem Moçambique Livros Notícias Procura Encontros Imagens Mailing List Ligações Mapa do Site

Share |

Brasões, Guiões e Crachás

Siga-nos

 

Fórum UTW

Pesquisar no portal UTM

Condecorações

Luís Filipe Mendes, Furriel Mil.º de Infantaria, da CCac1586

 

"Pouco se fala hoje em dia nestas coisas mas é bom que para preservação do nosso orgulho como Portugueses, elas não se esqueçam"

 

Barata da Silva, Vice-Comodoro

 

HONRA E GLÓRIA

 

 

 

Lu-s-b-Filipe-Mendes-350Luís Filipe Mendes

 

Furriel Mil.º de Infantaria, n.º 06746865

 

Companhia de Caçadores 1586

«OS JACARÉS»

 

Guiné: 05Ago1966 a 05Mai1968

 

Cruz de Guerra de 4.ª classe

 

Louvor Individual

 

Prémio Governador da Guiné

 

Luís Filipe Mendes, Furriel Mil.º de Infantaria, n.º 06746865;


RI2Mobilizado pelo Regimento de Infantaria 2 (RI2 - Abrantes) «EXCELENTE E VALOROSO» para servir Portugal na Província Ultramarina da Guiné;


CCac1586No dia 30 de Julho de 1966, na Gare Marítima da Rocha do Conde de Óbidos, embarcou no NTT ‘Uíge’, integrado na Companhia de Caçadores 1586 (CCac1586) «OS JACARÉS», rumo ao estuário do Geba, onde desembarcou no dia 5 de Agosto de 1966;


A sua subunidade de infantaria, comandada pelo Capitão de Infantaria António Marouva Cera;


CCac1567- Foi colocada em Piche e assumiu, em 8 de Agosto de 1966, a responsabilidade do respectivo subsector, substituindo dois pelotões da Companhia de Caçadores Bcac18561567 (CCac1567) «NO EXEMPLO ESTARÁ NOSSA VITÓRIA», ali transitoriamente colocados, e guarnecendo, com um pelotão, o destacamento na ponte do rio Caium até 21 de Setembro de 1966, ficando integrada no dispositivo e manobra do Batalhão de Caçadores 1856 (BCac1856) «UBI GLORIA OMNE PERICULUM DULCE»;


- A partir de Setembro de 1966, passou a ter, cumulativamente, a função de subunidade de intervenção do sector, tendo os seus pelotões actuado em diversas operações realizadas e sido destacados, temporariamente, para várias localidades da sua zona de acção, nomeadamente Nova Lamego, de 10 de Outubro de 1966 a princípios de CCav1662Dezembro de 1966, Madina do Boé, de 10 de Fevereiro a 1 de Maio de 1967 e Béli, de 25 de Janeiro a 15 de Abril de 1967;


- Em 6 de Abril de 1967, foi substituída no subsector de Piche pela Companhia de Cavalaria 1662 (CCav1662) «OS PIRIQUITOS», tendo assumido, em 7 de Abril de CCac14171967, a responsabilidade do subsector de Bajocunda, com um pelotão destacado em Copá, onde rendeu a Companhia de Caçadores 1417 (CCac1417) do Batalhão Bcac1856de Caçadores 1856 (BCac1856) «UBI GLORIA OMNE PERICULUM DULCE», continuando integrada no dispositivo e manobra do Batalhão de Caçadores 1856 BCav1915(BCac1856) e sucessivamente do Batalhão de Cavalaria 1915 (BCav1915) BCac1933«TIGRES», do Batalhão de Caçadores 1933 (BCac1933) «O QUE FIZERMOS VOS DIRÁ QUEM SOMOS» e ainda do Batalhão de Caçadores 2835 (BCac2835) «NAS ARMAS SINGULARES»;

BCac2835
- Em 28 de Outubro de 1967, um pelotão seu integrou as forças do subsector temporário de Canjadude, então criado, e CCac1683onde se manteve até 4 de Dezembro de 1967;


- Em 27 de Abril de 1968, foi rendida no subsector de Bajocunda pela Companhia de Caçadores 1683 (CCac1683) do Batalhão BCac1911de Caçadores 1911 (BCac1911) «CORAGEM E HUMANIDADE» e recolheu seguidamente a Bissau, a fim de aguardar o embarque de regresso;


Louvado por feitos em combate no teatro de operações da Guiné, publicado na alínea c) do artigo 3.º da Ordem
de Serviço n.º 77, de 31 de Março de 1967, do Batalhão de Caçadores 1856, e na Ordem de Serviço n.º 20, de 27 de Abril de 1967, do Quartel-General do Comando Territorial Independente da Guiné;


Agraciado com a Medalha da Cruz de Guerra de 4.ª classe, por despacho do Comandante-Chefe das Forças Armadas da Guiné, de Pr-mio-Governador-da-Guin7 de Junho de 1967, publicado na Ordem do Exército n.º 24 – 3.ª série, de 1967 e no Jornal do Exército n.º 95, página 32, de Novembro de 1967;


Agraciado com o Prémio Governador da Guiné, publicado no Jornal do Exécito n.º 97, página 31, de Janeiro de 1968;


No dia 5 de Maio de 1968, embarcou no NTT ‘Niassa’ de regresso à Metrópole, onde desembarcou no dia 15 de Maio de 1968.

 

----------------------

 

Cruz de Guerra de 4.ª classe

 

Furriel Miliciano de Infantaria, n.º 06746865
LUÍS FILIPE MENDES
 

CCac1586 - RI2
GUINÉ


4.ª CLASSE


Transcrição do Despacho publicado na Ordem do Exército n.º 24 – 3.ª série, de 1967.


Agraciado com a Cruz de Guerra de 4.ª classe, nos termos do artigo 12.º do Regulamento da Medalha Militar, promulgado pelo Decreto n.º 35 667, de 28 de Maio de 1946, por despacho do Comandante-Chefe das Forças Armadas da Guiné, de 07 de Julho de 1967:


O Furriel Miliciano, Luís Filipe Mendes, da Companhia de Caçadores n.º 1586 adstrita ao Batalhão de Cavalaria n.º 1915 - Regimento de Infantaria n.º 2.


Transcrição do louvor que originou a condecoração.


(Publicado na Ordem de Serviço n.º 20, de 27 de Abril de 1967, do Quartel General do Comando Territorial Independente da Guiné):


Que, por seu despacho de 18 do corrente, considerou como sendo dado por si o louvor constante da alínea c) do artigo 3.º da Ordem de Serviço n.º 77, de 31 de Março de 1967, do Batalhão de Caçadores 1856, concedido ao Furriel Miliciano (06746865), Luís Filipe Mendes, da Companhia de Caçadores n.º 1586, pela forma corajosa e decidida como se tem comportado em toda a actividade operacional da sua Companhia.


Militar disciplinado, que cumpre com entusiasmo e dedicação as tarefas de que é incumbido, destaca-se na actividade operacional o seu comportamento, conduzindo a sua Secção com decisão e ousadia, como na operação "Lenço III" em que reagindo imediatamente às ordens recebidas, conduziu a sua Secção debaixo de ajustado fogo inimigo, durante cerca de 100 metros, arrastando os seus homens com o seu exemplo e facilitando o bom êxito da marcha do seu Grupo de Combate.

----------------------------------------------

Prémio Governador da Guiné

 

(in Jornal do Exército n.º 97, página 31, de Janeiro de 1968)

 

 JE97-pag31-Jan1968-900

 

 Lu-s-b-Filipe-Mendes-920

 

 

© UTW online desde 30Mar2006

Traffic Rank

Portal do UTW: Criado e mantido por um grupo de Antigos Combatentes da Guerra do Ultramar

Voltar ao Topo