.

 

Início O Autor História A Viagem Moçambique Livros Notícias Procura Encontros Imagens Mailing List Ligações Mapa do Site

Share |

Brasões, Guiões e Crachás

Siga-nos

 

Fórum UTW

Pesquisar no portal UTM

Moçambique

 Monumentos aos Combatentes e Campas

 

 

Monumentos aos Combatentes e Campas

 

Em memória daqueles que tombaram em defesa de Portugal na Guerra do Ultramar

 

 

Chipera

 

Para visualização dos conteúdos clique em cada um dos sublinhados

 

Listagem dos mortos naturais de Moçambique

 

 

«POR VÓS QUE SOMOS NÓS ... EM NÓS FICAIS»

 

Memorial erigido pela CCac4241/RI2 na Chipera (margem nordeste de Cabora Bassa), Moçambique

 

 

Com a devida vénia, imagens extraídas do

facebook do sítio do veterano Joaquim Santos

Foto de Nelson Chuze

 

 

Clique na imagem que se segue para ampliação:

 

 

 

Celestino Fernando Barata da Cunha

 

Celestino Fernando Barata da Cunha, Capitão Mil.º de Infantaria, n.º 06587867, natural da freguesia de Santa Maria Maior, concelho do Funchal, Ilha da Madeira, filho de Manuel Joaquim da Cunha e de Maria José Barata da Cunha, casado com Lisete da Conceição Fernandes Runa.

 

Mobilizado pelo Regimento de Infantaria 2 (RI2 - Abrantes) para servir Portugal na Província Ultramarina de Moçambique, como comandante da Companhia de Caçadores 4241/72 «A HÍSTÓRIA DE NÓS FALARÁ» - «EXCELENTE E VALOROS».

 

Faleceu no dia 25 de Agosto de 1972 na região da Chipera, vítima de ferimentos em combate.

 

Está inumado no cemitério dos Prazeres, em jazigo particular n.º 6516, em Lisboa.

 

Armando Alberto de Farias Cláudio

 

Armando Alberto de Farias Cláudio, Furriel Mil.º Atirador de Infantaria, n.º 12258770, natural da freguesia da Amadora, concelho de Oeiras, filho de Hernâni dos Santos Cláudio e de Maria Branca Silva de Farias Cláudio, solteiro.

 

Mobilizado pelo Regimento de Infantaria 2 (RI2 - Abrantes) para servir Portugal na Província Ultramarina de Moçambique, como comandante da Companhia de Caçadores 4241/72 «A HÍSTÓRIA DE NÓS FALARÁ» - «EXCELENTE E VALOROS».

 

Faleceu no dia 21 de Julho de 1973 no itinerário da Chipera para Machesso, devido a rebentamento de mina anti-carro.

 

Está inumado no cemitério do Alto de São João, em Lisboa.

 

António Almeida Lourenço

 

António Almeida Lourenço, 1.º Cabo Atirador de Infantaria, n.º 01197072, natural do lugar Vale de Sertã, na freguesia de Sarzedas, concelho de Castelo Branco, filho de Tomás Lourenço e de Maria da Piedade, solteiro.

 

Mobilizado pelo Regimento de Infantaria 2 (RI2 - Abrantes) para servir Portugal na Província Ultramarina de Moçambique, como comandante da Companhia de Caçadores 4241/72 «A HÍSTÓRIA DE NÓS FALARÁ» - «EXCELENTE E VALOROS».

 

Faleceu no dia 10 de Abril de 1973 na região da Chipera, vítima de ferimentos em combate.

 

Está inumado no cemitério da freguesia de Sarzedas, concelho de Castelo Branco.

 

Abel Luiz Freire

 

Abel Luiz Freire, Soldado Atirador de Infantaria, n.º 02267172, natural do lugar de Baiol, na freguesia de Vide, concelho de Seia, filho de João Luiz e de Maria dos Anjos Domingos Freire, Casado com Maria Ilda dos Santos Pereira.

 

Mobilizado pelo Regimento de Infantaria 2 (RI2 - Abrantes) para servir Portugal na Província Ultramarina de Moçambique, como comandante da Companhia de Caçadores 4241/72 «A HÍSTÓRIA DE NÓS FALARÁ» - «EXCELENTE E VALOROS».

 

Faleceu no dia 11 de Agosto de 1973 na região da Chipera, vítima de ferimentos em combate, durante uma operação a machambas do inimigo.

 

Está inumado no cemitério de Barriosa, na freguesia de Seia, concelho de Seia.

 

Descansem em Paz

 

 

© UTW online desde 30Mar2006

Traffic Rank

Portal do UTW: Criado e mantido por um grupo de Antigos Combatentes da Guerra do Ultramar

Voltar ao Topo